Samela Sateré-Mawé é destaque em canal jovem na cobertura da maior assembleia indígena do Brasil

Samela Sateré-Mawé é destaque em canal jovem na cobertura da maior assembleia indígena do Brasil

Apresentadora e ativista ambiental, Samela Sateré-Mawé está acampada em Brasília junto com lideranças indígenas do Brasil inteiro, em uma mobilização pela luta dos povos indígenas e de todo o povo brasileiro 

Samela Sateré-Mawé compartilha detalhes do acampamento indígena Terra Livre com o público do Canal Reload

No dia 04 de abril de 2022, lideranças indígenas de todas as regiões do país deram início à 18ª edição do Acampamento Terra Livre (ATL), a maior assembleia indígena de todo o Brasil que, há 18 anos, acampa em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF) em Brasília, para reivindicar suas pautas e direitos, se tornando uma instância política decisória. 

A apresentadora do Canal Reload (@canalreload), Samela Sateré-Mawé (@sam_sateremawe) está realizando uma cobertura especial desta edição do acampamento que tem como tema “Retomando o Brasil: Demarcar Territórios e Aldear a Política” (www.instagram.com/p/CcIg-wgl-HO/).

Samela traz ao público jovem detalhes desta grande assembléia que pretende reunir 8 mil indígenas durante dez dias, de 04 a 14 de abril, mesmo período em que o Congresso Nacional e o Governo Federal pautam a votação de projetos que violam os direitos dos povos originários, como o Projeto de Lei 191/2020, que abre as terras indígenas para a mineração.

Não é a primeira vez que Samela é destaque na cobertura de eventos nacionais e internacionais para o Canal Reload. Em 2021, ela esteve como repórter na COP26,  a Conferência das Nações Unidas sobre Mudança do Clima, realizada em Glasglow (www.instagram.com/p/CWLfRsDMqTg/) e também no também no Acampamento Luta Pela Vida, contra o Marco Temporal (www.instagram.com/p/CTfqOLpFjg4/)

Desde o início do canal, ela também traz debates para o público sobre pautas essenciais para os povos originários, como nos vídeos “Você sabe como é feita a demarcação de terras indígenas?”disponível em: www.youtube.com/watch?v=NkRHZ_avNYk, ou “Amazônia em Chamas – Saiba o porquê”, disponível em: www.youtube.com/watch?v=24NFBErC86I.

Indígena do povo Sateré Mawé, Samela é uma das porta-vozes deste povo, que vive na zona Oeste de Manaus, Samela é ativista ambiental representando o braço brasileiro do movimento “Fridays for Future“ (@fridaysforfuturebrasil), criado pela sueca Greta Thunberg.

Estudante de Biologia na Universidade do Estado do Amazonas (UEA), é também jovem comunicadora na Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib), da ANMIGA – Articulação Nacional das Mulheres Indígenas Guerreiras da Ancestralidade, além de integrar a Associação de Mulheres Indígenas Sateré Mawé (Amism) e o Movimento de Estudantes Indígenas do Amazonas (Meiam).

Samela é criadora de conteúdo digital nas redes sociais, artesã, consultora da Fundação Amazônia Sustentável (FAS) e recentemente foi premiada na categoria “ativismo” no Geração Glamour 2021 Gamechangers, em São Paulo, pela atuação em ações pelo clima e em defesa dos povos amazônicos. 

No Canal Reload, ela se conecta com mais de 50 mil seguidores de todo Brasil por meio das redes sociais Instagram, Twitter, TikTok e Youtube. Um projeto voltado para jovens que abusa da criatividade para descomplicar temas complexos, como a educação e o combate à evasão escolar, as pautas LGBTQIA+, violência de gênero, racismo, preservação do meio ambiente, a resistência dos povos originários do Brasil, entre outros. 

Espalhando conteúdos de qualidade em diferentes formatos, como histórias em quadrinhos, músicas e poesias, o Canal Reload busca tornar a informação mais acessível e atrativa ao público jovem, além de dar dicas para identificar as tão faladas fake news, evitando a disseminação de informações falsas.

O Reload é um canal jovem que produz conteúdo a partir de reportagens de 10 organizações: Agência Lupa, Agência Pública, Amazônia Real, Congresso em Foco, Énois, Marco Zero Conteúdo, O Eco, Ponte Jornalismo, Projeto #Colabora e Repórter Brasil. Juntas, elas têm mais de 100 prêmios nacionais e internacionais (Prêmio Gabriel García Márquez, Prêmio Rei da Espanha e Leão de Bronze do Festival de Cannes). 

O projeto foi uma das iniciativas ganhadoras do Google News Innovation Challenge em 2019, projeto do Google News Initiative, e contou também com apoio da Fundação Ford no Brasil. Em 2022, o projeto foi selecionado para o YouTube’s Sustainability Lab, que tem o objetivo de apoiar organizações de notícias a desenvolverem modelos de negócios sustentáveis em vídeo na plataforma.

Mais informações em @canalreload no Instagram, TikTok, Twitter e Youtube.

SERVIÇO: Confira a cobertura do 18ª edição do Acampamento Terra Livre (ATL) pelo Canal Reload

Por Samela Sateré-Mawé

No Acampamento Terra Livre:  www.instagram.com/p/CcIg-wgl-HO/

Twitter: twitter.com/CanalReload/status/1512797096377819139

Tiktok:www.tiktok.com/@canalreload/video/7084609161933114629?is_copy_url=1&is_from_webapp=v1

Entre neste link para receber conteúdos do Reload no WhatsApp: link.reload.news

Coberturas Anteriores: 

Na COP26 em Glasglow: www.instagram.com/p/CWLfRsDMqTg/

No Acampamento Luta Pela Vida, contra o Marco Temporal: www.instagram.com/p/CTfqOLpFjg4/

Outros Vídeos: 

Você sabe como é feita a demarcação de terras indígenas?: www.youtube.com/watch?v=NkRHZ_avNYk

Amazônia em Chamas – Saiba o porquê: youtube.com/watch?v=24NFBErC86I

Assessoria de Imprensa: Luciana Gandelini – luciana.gandelini@gmail.com – (11) 99568-8773